Pelas pedras da rua São José, em Ouro Preto

Nesta manhã de sábado saí com minha esposa e a Melissa, minha caçulinha, para comprar umas coisas que estavam faltando. Uma das paradas foi na loja EletroChaves, um verdadeiro shopping em plena rua São José, também conhecida como “rua dos bancos”, em Ouro Preto.

A rua é uma simpatia, e desemboca numa ladeira de pedra em frente à igreja do Rosário. Na verdade, ela também começa a partir de uma ladeira, a rua Direita, e segue sempre plana, com algumas curvinhas e uma leve suvida em frente à padaria e ao banco Itaú (antigo Unibanco).

Mas o que mais me chama a atenção nesta rua é a arquitetura. O conjunto de casas é uma soma de casarões que datam o século XVIII, até a igreja do Rosário, construída para que os escravos pudessem frequentar o templo católico. De enorme e total simplicidade internamente, é, na minha opinião, a mais bonita exteriormente.

Essa é uma das ruas que mais circulo na cidade. Sempre que preciso de algo, faço questão de passar por ela, descer pela igreja do Rosário e seguir pelo caminho mais longo até minha casa. Poderia virar logo à direita e sair no bairro Pilar. Mas não. prefiro passar em frente à igreja do Pilar algumas ladeiras depois. Por que?? Por ser um caminho muito, mas muito mais bonito, com gostinho de Santiago de Compostela.

Posted on 27 Marzo, 2011, in Sen clasificar and tagged , . Bookmark the permalink. 3 Comentarios.

  1. Un percorrido moi interesante por Ouro Preto, unha localidade descoñecida pola inmensísima maioría (na que me inclúo) de leitores deste blogue. Todo un canto ó gozo do día a día, deses paseos pola vila de cada un que nos enchen dunha ledicia cotiá que nos anima a seguir adiante.
    Mil grazas polo post!

  2. Este é un texto marabilloso, felicítolle pola sensibilidade coa que foi capaz de capturar a esencia dese lugar. É un post do que sentirse ben orgulloso!

  3. Patricia Lorenzo

    Todos temos eses rincóns segredos que gústanos visitar de seguido. Camiños pouco habituais que, como vostede dí, son máis longos, pero que paga a pena percorrer para liberarse e para descubrir novos aspectos. Espero que poida seguir contándonos máis detalles acerca dese lugar do que nos fala, Ouro Preto, e que semella ser tan bonito.

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair /  Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair /  Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair /  Cambiar )

Conectando a %s

A %d blogueros les gusta esto: