A necessidade pede carona

A famosa carona é um hábito bastante comum entre os estudantes da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), entre os fatores que levam a tal situação está a dificuldade de obter o auxílio transporte oferecido pela universidade e pelos altos preços das passagens.

Nessa terça feira, 26 de abril, foram entrevistados alunos em frente ao ICSA (Instituto de Ciências Sociais Aplicadas) em Mariana, chovia muito e a dificuldade de conseguir o transporte era notável, eles disseram que pedem carona há aproximadamente dois anos. A aluna Greice Laportes, estudante de jornalismo, relatou que pede carona por questões financeiras, e muitas vezes pela demora ou a superlotação dos ônibus. Quando questionada sobre os perigos que corria por pedir caronas a desconhecidos ela disse que já aconteceram situações “tensas”, como motoristas que andavam em altíssima velocidade. De acordo com ela, é muito comum a “falta de ética” nos pontos de carona: “A ‘bixarada’ não respeita, as vezes estamos aqui a horas, eles entram na frente e em dois minutos conseguem carona. A UFOP poderia ampliar o auxílio transporte.”

É concedida bolsa-transporte aos alunos que residem em Ouro Preto e estudam no campus de Mariana (ICHS/ICSA), bem como aos alunos que residem em Mariana e estudam nos campus de Ouro Preto (Centro Histórico e Morro do Cruzeiro), em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

Não foi encontrada a responsável do setor de transporte da Secretaria de Educação de Mariana, Maria da Consolação. A atendente Carmem Lúcia informou apenas que a prefeitura concede vale transporte somente aos estudantes da rede pública municipal e IFMG (Instituto Federal de Minas Gerais) em Ouro Preto. O responsável pelo setor de transporte da prefeitura de Ouro Preto não foi encontrado para esclarecimentos.

Perguntado sobre o assunto, o gerente da Transcotta (empresa responsável pelo transporte Ouro Preto – Mariana) , William Oliveira disse que “ Vale transporte, ou meio passe para estudantes não depende da empresa.”

Alunos responsáveis: Fernanda Mafia Guimarães, Janderson Coimbra, Talita Figueiredo, Thaís Oliveira, Kenia Marcília e Viviane Ferreira.

Posted on 26 Abril, 2011, in Sen clasificar and tagged . Bookmark the permalink. Deixar un comentario.

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair /  Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair /  Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair /  Cambiar )

Conectando a %s

A %d blogueros les gusta esto: